Pensamentos Com Vida Própria

A Jornada Tem Requisitos Simples e Profundos

Tem jornadas que só aparecem depois das lições aprendidas.

O que é um excelente sinal: se percebe uma caminhada… a jornada como tal, depois de concluída.

Degrau alcançado, conquista realizada, realidade alterada.

Olha-se para trás e a sensação chega até a ser de não se reconhecer.

Tantas mudanças. Como vi Clóvis de Barros Filho falar uma vez:

“A persistência do eu é uma ilusão.”

Poético, profundo e cheio de expectativas.

O que é o “eu”, se não um um conjunto de expectativas próprias ou dos outros?

O ser humano pode mudar várias vezes em um único dia.

E, olha, se você não está fazendo isso, na minha humilde opinião, está perdendo a melhor parte da vida.

Evoluir. Aprender.

Errar.

Fracassar.

Levantar.

Ensinar.

Esta semana, eu agradeci e pedi perdão por “eus” do passado.

E nunca me senti tão bem em toda a minha vida por errar meu “eu”.

Por entender que que o “eu”, de quem quer que seja, é um monte de expectativas.

Seja, e tá tudo bem.

<3

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.